drakemberg

A visão longinqua daquela muralha, que corre de norte para sul ao longo da Africa austral,e à  qual nunca cheguei.ficou-me a recordação.assemelha-se,À  escarpa da chela,Angola,que tem a seus pés o deserto da namibia, que contempla, há¡ milhões de anos numa estenção de cerca de 150 kilometros.

terça-feira, fevereiro 15, 2005

Maurice Ravel

Na eminência de possivel transferência de Unidade;dou comigo num estado "infantil" próximo da melancolia.O saudosismo é um estado típicamente português por isso adiante.Habituara-me a ouvir diàriamente a Radio Televisão Francesa na sua emissão para a Africa Equatorial na sua emissão via Radio Brazaville,cerca das sete e trinta.Começavam a emissão com um curso de francês,de trita minutos;e outros assuntos de caracter cultural.O pouco francês que sei foi com ela que aprendi.O curso se chamava; le petit pierrot, e começava assim ? il etait une fois.Não resisto a transcrever possivelmente com erros um poema a que davam grande valor.




Àh qu"ce qui j"enttendre

Serais ce quelque grillon

Qui chante

Sur tapi de la mousse

Oú la lière steril

Dont par pitiè

Se chausse aux bois

Ou seron les cloches

Sur la tour de l"èglise

Appelant aux gens

Pour le coucher du soleile

Eh bien serais ce quelqun

Qui pousse un soupire

Sur la fourche patibulaire

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial