drakemberg

A visão longinqua daquela muralha, que corre de norte para sul ao longo da Africa austral,e à  qual nunca cheguei.ficou-me a recordação.assemelha-se,À  escarpa da chela,Angola,que tem a seus pés o deserto da namibia, que contempla, há¡ milhões de anos numa estenção de cerca de 150 kilometros.

terça-feira, março 15, 2005

Vamos que tenho Pressa

Untitled-2.jpg

O quartel general da ECL em 1945,quando Champalimaud tomou posse da mesma depois da morte do tio.Com operàrios fundadores escolhidos por mèrito meu pai "mineiro" estava lá.Foi ele que estourou com as primeiras pedras ue deram origem ao primeiro cimento português.

Da Esqª para a drtªMansilha,Carvalho,Catarino,João Passos,Joaquim Branco,EngºGranger,EngºRocha e Melo,Capitão Crespo,Champalimaud,EngºBenjamim Pinto,Armando Valinha,Sommer Ribeiro,Ricardo,Carreira Pequeno,e Alvaro Soares.

Èramos uns paus mandados,sem dúvidas.Saimos de Cabinda dois dias depois de lá termos aportado.E continuàmos a navegar para norte.Até parecia que rumàvamos ao Puto.Mas não!Verificàmos horas depois que rumàvamos à cidade de Ponta Negra.Descarregàmos alguma carga para lá..No porto; madeiras de grande porte, arrumada em grandes lotes oriundas, possívelmente das florestas virgens do Maiombe,aguardavam saída para portos do exterior.Era o maná a fluir!Era este maná que os colonizadores se recusavam a deixar.Estavam agarrados como lapas.Eu era um cidadão do mundo que estava enredado nesta teia por caprichos do destino.Este povo com quem covivia havia já nove anos,possuidor de virtudes humanitàrias impares.Tratavam-se todos por manos;num grupo, se um comesse uma banana, a mesma era cortada em tantos os boacados, como o numero de pessoas presentes.E isto sem que ninguém reclamasse o seu bocado.Extraordinàrio!Até parecia os da minha raça.Opados,sempre pedantes,como se o mundo deles fosse.E que estranha conduta a deles! aos contemporâneos e concidadãos dar um pequeno louvor, ou ajuda,está quedo!Mas ligar o mais alto valor,ao facto de serem louvados pelos porvindouros,que nunca viram nem verão jamais,é quase como se ,se agastassem pelo facto de que aqueles que nos precederam lhe não prestassem louvaminhas....M.A.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial